Reque-reque

Terras da Maia

Reque-reque – Instrumento musical popular, feito de cana ou de madeira, na qual são rasgados sulcos ou dentes que, percorridos com uma pequena peça do mesmo material, fornecem ritmo para acompanhamento de instrumentos melódicos ou da voz humana. Integra-se na categoria dos idiofones, porquanto o som é produzido pela vibração ou choque do próprio material de que é fabricado, ou seja, do seu próprio corpo, sem necessidade de estar em tensão como noutras categorias instrumentais. A sua construção é artesanal e encontra-se difundido por todo o país.

A designação é onomatopaica, pois resulta do som produzido pelo instrumento. Por isso, não é aceitável a grafia reco-reco, por vezes utilizada por eruditos, até porque, na linguagem popular, reco é sinónimo de porco, o que nada tem a ver com este instrumento musical. Por vezes, em certas regiões, v. g. Estremadura, também se lhe chama serrilha.

Mais: Instrumentos Musicais Populares Portugueses, de Ernesto Veiga de Oliveira. Discografia: Recolhas de Armando Leça, inéditas, arquivo RDP, bobine AF-527 (Lordelo, Paredes), AF-528 (Silva Escura, Maia).

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *