Maio Moço

Digitalização

Maio Moço – Usança integrada nas celebrações do renascimento vegetal do mês de Maio (v. Maias): no dia primeiro de Maio, cobria-se um miúdo de giestas amarelas (maias), ao qual se passava a chamar Maio, Maio-Moço ou Maio-Menino. Com ele à frente, a miudagem percorria as ruas da aldeia ou da vila em algazarra festiva, gritando “Vivó Maio! Vivó Maio!” ou “Vitó Maio!”, ao que o povo correspondia ofertando-lhes rebuçados ou castanhas – Beira Baixa. Ainda hoje (2016) se pratica este costume em Tinalhas, Castelo Branco, com as crianças a gritarem pelas ruas: “Ó Maio Menino, Ó Maio cachopas, Deita p’ra cá castanhas, Por baixo das portas”.

Discografia:  Portugal – Raízes Musicais, recolhas de José Alberto Sardinha, BMG/Jornal de Notícias 1997, CD 4, Faixa 19, (Proença-a-Nova); Recolhas de Armando Leça, inéditas, arquivo RDP, bobine AF-457 (Barqueiros, Mesão Frio).

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *